Assembleia geral reprova as respostas do Tribunal
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
13/4/2015 - Assetj / Por Janaina Marquesini
 
FOTO RAQUEL MUNHOZ
Os servidores que participam da Assembleia Geral reprovaram as respostas do Tribunal

Na tarde da sexta-feira, dia 10 de abril, os servidores do Judiciário se reuniram na praça João Mendes para a segunda assembleia da categoria. O principal objetivo dessa mobilização foi mostrar aos servidores as respostas do Tribunal quanto à pauta de reivindicações de 2015.

Na pauta, as entidades descreveram cinco pontos principais. Dentre os quais estão a exigência de pagamentos de reposições salariais, reajuste dos valores de auxílios de transporte, saúde, creche-escola e alimentação. Além do cumprimento da Lei 1217/13, que prevê o pagamento do Adicional de Qualificação, aprovado em votação na sessão do Pleno e que ainda não foi pago aos funcionários, também foi apontado como item principal que o TJSP intervenha junto à Alesp e disponha de ações mais concretas para aprovação dos projetos de interesse dos servidores.

Para todos os itens, as respostas do Tribunal não foram satisfatórias. Quanto aos reajustes, o TJSP manteve o percentual de 6,5% para cumprimento da data base de 2015 e se limitou em dizer que “não é possível conceder outras reposições ou reajustes em face de restrições orçamentárias”.

Segundo o presidente da Assetj, José Gozze, o Tribunal vem repetindo uma prática já conhecida. “Em vários anos passados, o TJ não pagou a totalidade da inflação. Estamos acumulando perdas se não for dado o total indicado pelo INPC”, declarou.

Gozze se refere aos diversos valores acumulados com o passar dos anos. Essas reposições aguardam votação na Alesp e somam percentuais por volta de 18%, mais  4,77% de 2010, e 1,5% de 2011. “Isso é um retrocesso. O ano passado foi dado o total da inflação, o ano retrasado também”, completou Gozze.

A próxima Assembleia foi marcada para o dia 15 com uma forte possibilidade de indicação de paralisação. Os servidores também aprovaram uma paralisação marcada no mesmo dia para que os funcionários se mobilizem.

Até essa data será feito um trabalho junto ao Tribunal na tentativa de negociar os itens da pauta e evitar uma possível greve.

As entidades também decidiram que irão acionar o CNJ contra o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo para que as leis sejam cumpridas e os direitos dos servidores respeitados. O documento será encaminhado pela Fespesp - Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo, que também é presidida por José Gozze em nome de todas as entidades do Judiciário.

 
 
 
19/9/2019 - Assetj
Servidores pressionam juízas do TJSP pelo pagamento de atrasados e nomeação de concursados---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
25/9/2019 - Pública Central do Servidor
STF decide: “Não cabe indenização por falta de revisão de vencimentos”---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
22/9/2019 - Pública Central do Servidor
Reformas sob a perspectiva do Presidente da Pública, José Gozze---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
30/9/2019 - Assetj
Audiência Pública contra o PL 899/2019 na Alesp

De iniciativa do deputado estadual Carlos Giannazi (PSOL) e do presidente da Pública, José Gozze, a Audiência Contra o Calote dos Precatórios foi realizada na noite desta segunda-feira (30), no Plenário José Bonifácio da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
5/10/2019 - Assessoria da Deputada Alice Portugal
Bolsonaro é desmentido por Servidores públicos---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
7/10/2019 - CNSP
Vitória da CNSP no STF: Índice de correção de precatórios a partir de junho de 2009 será o IPCA-E---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
2/10/2019 - Pública Central do Servidor
Lewandowski suspende contribuição sindical patronal e de trabalhadores---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Filiada à:
            
 
 
Links úteis:
        
      
 
 
 
Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo
Rua Tabatinguera, 91 - São Paulo - SP - Cep 01020-001 - Fone: (11) 3291-4077
 
 
Agenda eletrônica
 
 28 Outubro
Dia do Servidor Público
----------------------------------------------