Assetj discute valorização do cargo de Escrevente no TJSP
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
16/7/2015 - Assetj / Por Sylvio Micelli
 
FOTO CAMILA MARQUES
Sylvio defendeu que o escrevente deve ter mais atenção a exemplo do que vem ocorrendo com outros cargos como oficial de justiça e agentes

Aconteceu, na tarde dessa quarta (15), uma reunião entre juízes auxiliares do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo e a Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (Assetj), ao lado de outras representações do Judiciário. A Assetj esteve representada na reunião pelo vice-presidente da Diretoria Executiva, Sylvio Micelli. 

Em pauta, o principal tema tratado foi a valorização do cargo de Escrevente Técnico do Judiciário. Foi entregue um documento conjunto de todas as entidades presentes solicitando estudos do TJ-SP, bem como a formação de um comitê para discutir propostas de valorização pessoal e financeira do maior quadro do Judiciário de São Paulo, com mais de 26 mil servidores na ativa e por volta de 6 mil aposentados.

Micelli defendeu a proposta afirmando que enquanto outras categorias tem avançado em suas questões pessoais, os escreventes ficaram para trás. "O avanço de todas as carreiras do Tribunal é importante. O nível universitário dos Oficiais de Justiça (PL 56), ainda que não tenha sido aprovado neste momento, tem pautado a Assembleia Legislativa. O mesmo ocorre com os Assistentes Sociais e Psicólogos que travam luta pelo PL 6 e, recentemente, demos um grande avanço nas questões dos Agentes. Mas o Escrevente ficou alijado do processo", pontuou.

O vice-presidente da Assetj também ressaltou o trabalhou dos escreventes. "Geralmente há interesse em minimizar a importância do Escrevente, como se ele fosse um escriturário de outras autarquias, mas os requisitos para a investidura no cargo são de nível superior e na esfera federal, mesmo com a exigência do nível médio, um concurso de dificuldade análoga ao de Escrevente oferece salários três, quatro vezes superior". Micelli também destacou a importância do Escrevente na tramitação processual. "É ele quem tem fé pública e que dá tramitação ao processo sendo um cargo de altíssima relevância na prestação do serviço jurisdicional, sem desmerecer as outras categorias", concluiu.

Transformação dos agentes para escreventes

Lilian Salvador Paula, secretária de Planejamento de Recursos Humanos (SPRH) informou à Assetj e demais representações presentes que a transformação dos cargos de Agente em Escrevente deve ocorrer no final de agosto até meados de setembro próximo.

Questionada sobre dados de aprovação, a secretária disse ainda não dispor dessas informações. Apenas relatou que os ausentes ou o que foram reprovados na avaliação devem ter nova oportunidade em certame próximo que a secretária aguarda, ainda nesta gestão, para ser realizado em outubro.

Os juízes que participaram da reunião - Maria de Fátima Pereira da Costa e Silva e Fernando Awensztern Pavlovsky - ficaram de estudar o impacto financeiro da escala de vencimentos que subiria do nível 5 para o nível 7, bem como analisar outras propostas de valorização do cargo. Nova reunião deve ocorrer em agosto próximo.

Participaram, além dos juízes, Lilian Salvador Paula, secretária de Planejamento de Recursos Humanos (SPRH) e Maria Inês Serra Bella, diretora de capacitação, promoção e avaliação de desempenho (SPRH 2).

 
 
 
19/7/2019 - Centrais Unificadas
Os próximos passos da luta em 2019---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
2/8/2019 - Pública Central do Servidor
Sessão Solene em homenagem aos 4 anos da Pública---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Filiada à:
            
 
 
Links úteis:
        
      
 
 
 
Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo
Rua Tabatinguera, 91 - São Paulo - SP - Cep 01020-001 - Fone: (11) 3291-4077
 
 
Agenda eletrônica