Funcionalismo contra Reforma da PrevidÍncia
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
16/1/2017 - Assetj / Por Raquel Munhoz
 

Diante da iminente ameaça aos servidores públicos, diversos representantes de entidades do funcionalismo estiveram reunidos com o deputado federal Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) para tratar das Reformas que estão em andamento.

Depois de duas modificações drásticas, novamente a Reforma da Previdência preocupa. Iniciando a reunião, o deputado agradeceu a presença de todos e reiterou a importância da união da categoria neste momento.

O presidente do Tribunal de Justiça, Paulo Dimas de Bellis Mascaretti, falou sobre a PEC 287/2016 (Reforma da Previdência) que está tramitando na Câmara Federal. Aproveitou a oportunidade para entregar ao deputado um estudo preliminar elaborado pelo TJSP com os pontos mais importantes sobre a aposentadoria. “Já passamos por três transições de Emendas Constitucionais e tudo isso está ficando de lado. Um grande golpe está sendo dado nos futuros pensionistas e nos servidores”, destacou. 

Segundo o texto da reforma, as regras vão prejudicar a integralidade e a qualidade da aposentadoria dos homens até 50 anos e mulheres de 45, ignorando as contribuições realizadas. Para Dimas, os servidores devem propor alternativas, “trabalhar para que o projeto em sua maior parte seja rejeitado”, e completa levantando a questão da auditoria nas contas da Previdência.

O presidente da Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (Assetj) e vice-presidente da Pública-Central do Servidor, José Gozze, se mostrou preocupado com o que todos os brasileiros estão passando e o que vem pela frente. Para ele, a união neste momento é imprescindível: “temos que nos organizar, levar o máximo de servidores à Brasília para pressionar os deputados. Só assim conseguiremos algum resultado”. Além disso, sugeriu percorrer as regiões onde os deputados foram eleitos, para intensificar a mobilização. A ideia foi prontamente acatada pelos líderes presentes. 

Para a presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo (Sindpesp), Raquel Gallinati, a proposta de reforma não pode ser igual para todos os servidores. “Não há como tratar de forma igual os profissionais de risco, sendo que o Brasil é o país onde mais morrem policiais. Esse é nosso pleito”, enfatizou. De acordo com Raquel, a expectativa de vida de um policial no Brasil é de 60 anos, em média,  e se o Projeto for aprovado, terá que trabalhar até os 70 anos.

Também esteve presente Julio Bonafonte, presidente do Conselho Deliberativo da Assetj. Julio voltou a afirmar que “a proposta do governo é saco de maldades aos servidores”. Para ele, assim como já ocorre em São Paulo, é necessário que os servidores participem da administração da previdência pública.

O secretário-geral da Associação dos Funcionários da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Afalesp), João Elísio Fonseca, destacou a importância da linguagem unificada, de forma que não apenas os servidores compreendam o que está ocorrendo, mas toda a sociedade brasileira: “somos uma categoria em extinção. Estamos trabalhando para diminuir os prejuízos daqueles que almejam a aposentadoria e daqueles que querem entrar no serviço público”.

O próximo encontro será no dia 06 de fevereiro, novamente no escritório do deputado Arnaldo Faria de Sá.

 

Estiveram presentes na reunião:

Paulo Dimas de Bellis Mascaretti - presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP)

Silvio Hiroshi Oyama - presidente do Tribunal de Justiça Militar de São Paulo (TJMSP)

José Antonio Franco da Silva - subprocurador-Geral de Justiça de Políticas Administrativas e Institucionais do Ministério Público do Estado de São Paulo

José Carlos Cosenzo - Ministério Público do Estado de São Paulo

José Gozze - Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (Assetj), Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp), Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP) e Pública - Central do Servidor

José Carlos Galbiatti - Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (Assetj)

Diógenes Marcelino - Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (Assetj) e Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp) 

Julio Bonafonte - Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (Assetj), Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp),  Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP), Pública- Central do Servidor

João Elísio Fonseca -  Associação dos Funcionários da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Afalesp), Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp), Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP) e Pública- Central do Servidor

Mauro Rodrigues  Pinto - Associação dos Oficiais de Justiça do Poder Judiciário do Estado de São Paulo (Aojesp) e Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp) 

Renato Del Moura - Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo (Afpesp) e Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp) 

Duarte Moreira - Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo (Afpesp) e Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp) 

Thais Helena Costa - Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo (Afpesp) e Tribunal de Contas dos Estado (TCE)

Antonio Carlos Fernandes - Federação Nacional dos Servidores dos Legislativos e Tribunais de Contas Municipais (Fenalegis), Confederação Nacional das Carreiras Típicas do Estado (Conacate) e Pública-Central do Servidor

Raquel Gallinati - Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo (Sindpesp),  Associação dos Delegados de Polícia do Brasil (Adepol) e Federação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (Fendepol)

Adolfo Benedetti Neto - Associação dos Servidores do Poder Judiciário do Estado de São Paulo (Assojuris)

Carlos Alberto Marcos - Associação dos Servidores do Poder Judiciário do Estado de São Paulo (Assojuris)

Marcio Antonio Canesin - Associação dos Servidores do Poder Judiciário do Estado de São Paulo (Assojuris)

Rejane Cattarin Marcos - Associação dos Servidores do Poder Judiciário do Estado de São Paulo (Assojuris)

Joacy Carneiro de Mesquita- Associação dos Funcionários da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Afalesp) e Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp) 

Helder Azevedo - Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo Federal e do Tribunal de Contas da União (Sindilegis) e Pública - Central do Servidor

Paulo Cezar Alves - Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo Federal e do Tribunal de Contas da União (Sindilegis) e Pública - Central do Servidor

Luiz Manoel Geraldes- Afpesp e Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP)

Natalino Yoshimi Sakamuta  - Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central (SINAL)

André Antunes Neves - Tribunal de Contas do Estado de São Paulo

Marcos Leite Penteado -  Associação Paulista dos Técnicos Judiciários (Apatej) e Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp)

Elisabete Borgianni - Associação dos Assistentes Sociais e Psicólogos do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (AASPTJ-SP)

Michel Iório - Associação de Base dos Trabalhadores do Judiciário do Estado de São Paulo (Assojubs) e Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp)

Rose Marie Bisaglia - Associação de Professores Aposentados do Magistério Público do Estado de São Paulo (Apampesp)

Wally Lühmann - Associação de Professores Aposentados do Magistério Público do Estado de São Paulo (Apampesp) e Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp) 

Antonio Tuccilio - Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP)

Lineu Neves Mazano -   Federação dos Sindicatos dos Servidores Públicos no Estado de São Paulo (Fessp-Esp) e Confederação dos Servidores Públicos do Brasil (CSPB)

Marcos Alcyr Brito de Oliveira - Sindicato dos Servidores da Câmara Municipal e do Tribunal de Contas do Município de São Paulo (Sindilex) e Federação Nacional das Entidades dos Servidores dos Tribunais de Contas do Brasil (Fenastc)

Luiz Milito - Associação de Base dos Trabalhadores do Judiciário do Estado de São Paulo (Assojubs)

Fabio Macedo - Associação dos Fiscais de Rendas do Município do Recife (Afrem)

Angela Manzoti Nahman -  Associação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo (Afresp)

Alfredo Maranca - Sindicato dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo (Sinafresp)

Alexandre Lania Gonçalves - Associação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo (Afresp)

Helio Freire - Associação e do Sindicato dos Auditores-Fiscais Tributários da Prefeitura do Município de São Paulo (Sindaf)

Soraya Santucci Chehin - Associação dos Procuradores do Município de São Paulo (APMSP)

Entidades discutem próximas mobilizações

Após o encontro no escritório do deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), as entidades representativas do Poder Judiciário se reuniram na sede da Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp) para tratar das mobilizações da categoria.

Levando em consideração a sugestão do presidente da Fespesp, José Gozze, as entidades discutiram regiões em que foram eleitos alguns deputados. Visando apoio de toda base e pressão política aos parlamentares, tanto na região, quanto diretamente nos gabinetes, as lideranças definiram uma agenda de encontros com os servidores.

Nos atos, serão debatidas as Reformas da Previdência e Trabalhista e também dos itens da Campanha Salarial 2017.

18/01  - Santos - a partir das 9h

25/01 - São Vicente - a partir das 9h

01/02 - Praia Grande - a partir das 9h

03/02 - Ituverava - a partir das 9h

08/02 - Cubatão - a partir das 12h30

08/02 - Assis - a partir das 14h30

13/02 - Franca - a partir das 9h

17/02 - São Paulo -Fórum João Mendes

 

FOTOS RAQUEL MUNHOZ

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Filiada à:
            
 
 
Links úteis:
        
      
 
 
 
Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo
Rua Tabatinguera, 91 - São Paulo - SP - Cep 01020-001 - Fone: (11) 3291-4077
 
 
Agenda eletrônica