Carta aberta ao Ministro Paulo Guedes
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
9/5/2019 - José Gozze / Por José Gozze
 

Estou tratando você com todo respeito, embora esse merecimento está cada dia mais duvidoso. Mas você age diferentemente. Absurdamente coloca o servidor público como parte de culpa por roubalheira. Ministro, o senhor não entende nada de servidor e de serviço público. Se entendesse não estaria destruindo o artigo sexto da nossa Constituição Cidadã que garante os direitos universais da pessoa, do cidadão brasileiro. Ministro, o senhor não é da melhoria do Estado brasileiro, pelo contrário, é da destruição, a começar por uma reforma previdenciária que substitui o ser humano pelo sistema financeiro. O Estado existe para proteção do cidadão e o senhor, Ministro, para acabar com essa proteção.

O senhor confunde Servidor Público, concursado, com seus assessores escolhidos a dedo pela setor financeiro, na maioria sem concurso, com salários bem maiores e com obrigações bem menores.

Pois é Ministro, o senhor tem ódio de quem presta serviços à população. É através do servidor público que o cidadão, aquele que paga impostos para seu salário e de seus assessores, chegam ao cidadão. É pelas mãos dos servidores que o direito constitucional é garantido e não pelas suas ideias.

Quero lembrá-lo de uma frase que ouvi de um líder do funcionalismo: na empresa privada onde o senhor esteve por muito tempo, o dono da empresa é fixo, quem muda são os funcionários, mas no serviço público o fixo são os servidores e os eleitos e seus ministros os que são trocados. Assessores são obrigados a cumprir decisões erradas ou são demitidos, servidores concursados ajudam a demitir ministros.

PÚBLICA, Central do Servidor Público

Movimento Permanente em Defesa da Sociedade

José Gozze, presidente

 

 
 
 
19/7/2019 - Centrais Unificadas
Os próximos passos da luta em 2019---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
2/8/2019 - Pública Central do Servidor
Sessão Solene em homenagem aos 4 anos da Pública---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Filiada à:
            
 
 
Links úteis:
        
      
 
 
 
Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo
Rua Tabatinguera, 91 - São Paulo - SP - Cep 01020-001 - Fone: (11) 3291-4077
 
 
Agenda eletrônica