Assetj participa de Sessão Solene no Dia do Escrevente
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
4/6/2019 - Assetj / Por Assetj
 

O dia 3 de junho começou com atos espalhados por todo estado pela valorização do Escrevente Técnico Judiciário. Centenas de servidores vestiram roupas pretas e fizeram atos nos cartórios pelo encaminhamento do Nível Universitário aos Escreventes e pelo pagamento das perdas salariais.

À noite, no Auditório Franco Montoro da Assembleia Legislativa do Estado, o deputado estadual Carlos Giannazi, Assetj e demais entidades representativas de servidores  receberam escreventes técnicos de diversas comarcas e aprovados no concurso que aguardam a nomeação.

José Gozze, presidente da Assetj, agradeceu a iniciativa do deputado e ressaltou as principais lutas atuais, como a reposição que já acumula 16,83%, a valorização dos Escreventes com o Nível Universitário, a exemplo dos Oficiais de Justiça, além da luta contra a Reforma da Previdência.

A Assetj entende que a pauta da Campanha Salarial não anula a luta contra a Reforma da Previdência, que irá atingir todos os servidores públicos e cidadãos brasileiros do Regime Geral. “Precisamos analisar o contexto geral. Estão por vir grandes ameaças a todos; estamos com os piores gestores no Judiciário e Executivo nas três esferas. Precisamos nos defender de todas as formas”, ressaltou Gozze.

Giannazi é o principal deputado engajado nos esforços em prol do servidor e ressaltou que todas as entidades também estão empenhadas na questão da chamada dos aprovados no último concurso, que irá expirar em dezembro, sem possibilidade de prorrogação. 

A representante dos aprovados, Joice Rodrigues, agradeceu o apoio e mencionou os números. Hoje já existem 3825 vagas disponíveis e em breve o número irá quase duplicar, pois cerca de 5000 servidores irão se aposentar nos próximos meses. Joice mencionou que há 2600 aprovados aguardando a nomeação, sendo 1666 somente na capital. “Estamos passando por uma 4ª fase que não estava prevista no concurso, que é a luta pela nomeação”, destacou Joice.

Por fim, ficou definido o encaminhamento de Ofício solicitando a participação de Giannazi no Órgão Especial com direito à fala, além da participação das entidades, para pedir que o Tribunal encaminhe o Projeto de Nível Universitário e realize a chamada dos aprovados.

Amanhã, dia 5 de junho é dia de nova mobilização, com todos os servidores de roupas pretas e paralisação durante uma hora nas portas dos Fóruns. 

A Assetj reconhece a luta de todos e continua pressionando o presidente do TJSP por uma mesa de negociação onde decisões possam ser tomadas e não encaminhadas por juízes assessores, como tem acontecido no último ano. 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Filiada à:
            
 
 
Links úteis:
        
      
 
 
 
Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo
Rua Tabatinguera, 91 - São Paulo - SP - Cep 01020-001 - Fone: (11) 3291-4077
 
 
Agenda eletrônica