Reunião da Frente Nacional de Prefeitos pode atrasar pagamentos de precatórios
////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
2/10/2013 - Assetj / Por Raquel Munhoz
 

Aconteceu no dia 24 de setembro, em Brasília, a reunião da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) para defender o não-pagamento dos precatórios. Além da Frente, participaram do encontro os Ministros do Supremo Marco Aurélio de Mello e Luis Roberto Barroso e o presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) Henrique Nelson Calandra. 

O principal objetivo foi discutir a modulação no pagamento de precatórios, prejudicial aos servidores credores, mesmo depois da decisão do STF que julgou a inconstitucionalidade da emenda 62, a qual definia o parcelamento das dívidas. 

A representante da FNP e prefeita do Guarujá, Maria Antonieta de Brito, é contra o pagamento, pois acredita que a verba deva ser direcionada para outros gastos como saúde, educação e transporte. Já o presidente do Conselho Deliberativo da Assetj e advogado engajado nas lutas pelo pagamento dos precatórios, Julio Bonafonte, explica que o não-pagamento caracteriza improbidade administrativa “Pagar precatório é administrar a cidade honrando a obrigação, é investimento pessoal nos cidadãos que pagam os impostos e tem que receber o que lhes é devido”.

Vale lembrar que a AMB também é co-autora da Ação Direta de Inconstitucionalidade, ADI nº 4357 contra a EC 62/09, conhecida como PEC do calote. Por isso a Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP) e Associação Nacional dos Servidores do Poder Judiciário (ANSJ), representadas por Julio Bonafonte se manifestaram contra o apoio dado pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) à prefeita do Guarujá e demais prefeitos.

Confira AQUI a Nota de Esclarecimento.

 
 
 
19/7/2019 - Centrais Unificadas
Os próximos passos da luta em 2019---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
2/8/2019 - Pública Central do Servidor
Sessão Solene em homenagem aos 4 anos da Pública---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Filiada à:
            
 
 
Links úteis:
        
      
 
 
 
Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo
Rua Tabatinguera, 91 - São Paulo - SP - Cep 01020-001 - Fone: (11) 3291-4077
 
 
Agenda eletrônica